Aguarde...
Tribunal Regional do Trabalho - 9ªRegião

Tribunal Regional do Trabalho 9ª Região

Página gerada em: 21/05/2024 01:02:45

Limpeza pública de Londrina: empresa e sindicato chegam a acordo

Notícia publicada em 14/05/2024
Audiência virtual foi conduzida pelo vice-presidente do TRT-PR, desembargador 
Marco Antônio Vianna Mansur.

A empresa Sistemma Assessoria de Construções e a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina (CMTU- LD) aceitaram, em audiência de Dissídio Coletivo realizada na sexta-feira (10), conceder um benefício extra, em pagamento único, de R$ 160,00 para cada trabalhador. O valor será pago junto com o salário do mês e faz referência ao Dia do Gari, que se comemora em 16 de maio.

A audiência foi realizada na modalidade virtual e foi presidida pelo desembargador Marco Antônio Vianna Mansur, vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-PR). O Ministério Público do Trabalho (MPT) foi representado na audiência pelo Procurador Regional Luiz Renato Camargo Bigarelli.

A proposta do pagamento extra foi apresentada pelo Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação, Limpeza Urbana, Limpeza Pública e em Geral, Ambiental, Áreas Verdes, Zeladoria e Serviços de Terceirização de Londrina e Região (Siemaco Londrina) e pela Federação dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Estado do Paraná.

A ideia dos representantes dos trabalhadores era tornar mais atrativa a oferta patronal de reajuste de 5% no salário e de 7% no auxílio-alimentação. Essa proposta foi apresentada pela empresa na audiência anterior, realizada na segunda-feira, dia 6. O pedido inicial dos trabalhadores era de 5% no salário e de 10% no auxílio-alimentação.

A proposta será submetida à categoria em assembleia. Ficou estipulado que, sendo aceita pelos trabalhadores, as partes levarão o Acordo Coletivo para registro, dispensando a homologação pela Justiça do Trabalho. A CMTU atua no processo como terceira interessada. A Companhia faz parte da administração indireta da Prefeitura de Londrina e gerencia a área de coleta de lixo na cidade.

 

 

Texto: Marcio Lopes / Ascom TRT-PR

Imagem: Reprodução Youtube TRT-PR