Aguarde...
Tribunal Regional do Trabalho - 9ªRegião

Tribunal Regional do Trabalho 9ª Região

Página gerada em: 13/04/2024 09:05:33

Recorde: 92 Varas do Trabalho conquistam o Selo de Excelência da Corregedoria Regional

Notícia publicada em 08/02/2024
Fotografia mostra a fachada do Fórum em Francisco Beltrão. Em primeiro plano, estão grades metálicas brancas com portão de acesso. Em seguida, calçada de em paver com sinalização para pessoas com deficiência visual e, na sequência, o prédio com paredes brancas e azuis. Próximo a porta de acesso, um letreiro diz: Justiça do Trabalho.
As duas Varas do Trabalho em Francisco Beltrão obtiveram a pontuação máxima
em 2023. O Fórum na cidade está localizado na Rua Tenente, 2.322. 

Pelo segundo ano consecutivo, o Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-PR) bate recorde no número de unidades judiciárias que receberão o Selo de Excelência da Corregedoria Regional. 92 unidades (de 98 que compõem a 1ª Instância – 97 Varas e um Núcleo de Justiça 4.0) atingiram a pontuação para esse reconhecimento, demonstrando uma melhora geral na qualidade dos serviços da Justiça do Trabalho paranaense em 2023 (veja a relação AQUI).

Houve uma melhora tanto na quantidade de unidades premiadas como na qualidade do trabalho de magistradas (os) e servidoras (es). Das 92 unidades que receberão o Selo, 39 alcançaram resultados acima de 90%, que foi de 31 de 87 unidades no ano anterior.

Assim como no ano de 2022, oito varas obtiveram a pontuação máxima em 2023. São elas: 2ª VT de Apucarana, 1ª VT Assis Chateaubriand, 1ª VT de Francisco Beltrão, 2ª VT de Francisco Beltrão, 1ª VT de Marechal Cândido Rondon, 1ª VT de Toledo, 2ª VT de Umuarama e 1ª VT de União Da Vitória.

O Corregedor Regional da Justiça do Trabalho no Paraná, desembargador Benedito Xavier da Silva, destaca que um dos fatores para o recorde foi a continuidade do trabalho de orientação pela Corregedoria às unidades de 1º Grau, tornando-as mais eficientes e eficazes. “A Corregedoria é uma equipe, seja administrativamente aqui na sede do Tribunal, seja em todas as unidades do Judiciário Trabalhista no Paraná. Quanto aos resultados, é um relatório que nos deixa bastante felizes, fruto do esforço comum de todos. Nós temos que reconhecer esse trabalho e esses resultados que foram alcançados e, em decorrência, parabenizar todos: servidores, servidoras, juízes e juízas pelo atingimento dessas metas”, declarou.

O corregedor do TRT-PR também destacou que o Selo não é uma competição entre as unidades, pois cada uma tem um contexto único. “Aquelas unidades que não conseguiram atingir, por um motivo ou outro, nós estamos aqui prontos também para auxiliar para que todas alcancem esse resultado tão almejado por todo o nosso Tribunal”, afirmou.

O Selo de Excelência da Corregedoria do TRT-PR foi instituído em 2016 na gestão do desembargador aposentado Ubirajara Carlos Mendes na Corregedoria Regional. É um incentivo para aumentar a eficiência na solução de processos, assegurar maior efetividade na execução, estimular a conciliação, reduzir demandas de grandes litigantes, estimular a governança e a gestão participativas e assegurar uma comunicação institucional integrada.

Texto: Pedro Macambira Filho/ Ascom TRT-PR