Aguarde...
Tribunal Regional do Trabalho - 9ªRegião

Tribunal Regional do Trabalho 9ª Região

Página gerada em: 09/08/2020 13:42:17

Corregedoria do TRT-PR retoma correições por meio de sistema telepresencial

Notícia publicada em 10/07/2020
Equipe da Corregedoria e da 19ª VT de Curitiba
durante correição telepresencial
Desde o início do mês de junho, a Corregedoria Regional do TRT-PR tem realizado inspeções correcionais de forma telepresencial, devido à situação de exceção gerada pela pandemia da covid-19. Nesse primeiro mês de trabalho remoto, 20 unidades foram analisadas.

As reuniões entre a equipe da Corregedoria, juízes e servidores das unidades têm sido realizadas por meio da plataforma de videoconferência Cisco Webex, instituída e disponibilizada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). As correições telepresenciais ocorrem com base na Portaria nº 22/2020, da Corregedoria Regional, e no Ato nº 13/2020, da Corregedoria Geral da Justiça do Trabalho.

As correições ordinárias, normalmente realizadas de forma presencial, tinham, entre outros objetivos, a intenção de aproximar a Administração da comunidade local, especialmente em relação àquelas unidades distantes geograficamente da capital. De acordo com a corregedora regional, desembargadora Nair Maria Lunardelli Ramos, mesmo com as correições ocorrendo de modo telepresencial, a equipe tenta contornar a questão da distância e da falta de calor humano.

“Um pouco antes do início da correição, a equipe da Corregedoria conversa na sala virtual com os magistrados e servidores, para deixar o ambiente o mais propício possível”, afirmou a magistrada, que também faz questão de permanecer na sala virtual com os juízes das unidades após o encerramento dos trabalhos, para dirimir dúvidas e fazer as considerações finais.

Resultados

Segundo dados fornecidos pela equipe da Corregedoria, foram proferidas 85.649 sentenças de 16 de março a 28 de junho de 2020. Nesse período, também foram emitidas 92.296 decisões, 292.019 despachos e executados aproximadamente 4,5 milhões de atos de servidores. Destaca-se, ainda, o marco de 27 de maio, em que se teve o registro histórico de nenhuma sentença com mais de 30 dias para ser proferida.

“A responsabilidade do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná perante a sociedade tem superado o desafio de manter a Justiça do Trabalho funcionando”, ressaltou a corregedora regional sobre os resultados demonstrados, destacando, ainda, a dedicação e o empenho dos magistrados e servidores para continuar o cumprimento da missão jurisdicional.

Os resultados do primeiro mês de correições realizadas remotamente podem ser consultados AQUI.


Assessoria de Comunicação
Texto: Ana Karina Prado
ascom@trt9.jus.br
(41) 3310-7313