Aguarde...
Tribunal Regional do Trabalho - 9ªRegião

Tribunal Regional do Trabalho 9ª Região

Página gerada em: 21/05/2024 01:41:35

Exposição Deusas & Ninfas fica aberta a visitações até o dia 19 de abril na sede do TRT-PR

Notícia publicada em 14/04/2024

Fotografia mostra o hall de entrada do prédio sede do TRT-PR com as obras expostas no local. Ao fundo, o presidente do TRT-PR, desembargador Célio Waldraff, discursa enquant uma grupo de pessoas escutam e olham para ele.

A exposição ‘Deusas & Ninfas’, com obras do artista plástico Rodrigo Ramon Rodrigues, fica disponível até o dia 19 de abril, no foyer do prédio histórico do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-PR), na Alameda Dr. Carlos de Carvalho, 528. A exposição estará aberta à visitação entre às 11h e 17h. A mostra foi inaugurada no dia 26 de março e marca as celebrações alusivas ao Mês da Luta pelos Direitos das Mulheres.


A mostra é composta por 13 obras do artista, todas elas tendo a figura feminina como tema central. Além de homenagear a mulher especificamente no mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher, a exposição promove a arte e a cultura no âmbito do Poder Judiciário, ao mesmo tempo em que se utiliza dessas ferramentas para reafirmar valores relacionados aos Direitos Humanos, à construção de identidade, à proteção de raízes culturais, à tomada de consciência, ao exercício da democracia e à realização constante de exercício crítico-criativo.


Para a gestora regional do Programa de Equidade de Raça, Gênero e Diversidade do TRT-PR, juíza Sandra Mara de Oliveira Dias, a exposição Deusas & Ninfas é também um convite à reflexão sobre o contexto socioeconômico no qual as mulheres estão inseridas, marcado pela desigualdade e até mesmo pela violência de gênero. “Nessa exposição, não apenas contemplamos a beleza feminina, mas também celebramos as mulheres reais, que com coragem e determinação, mudaram o curso da história. Mulheres que desafiaram as normas sociais, que quebraram barreiras e abriram caminhos para as gerações futuras”, afirma a magistrada.

Entrevista com a juíza Sandra Mara de Oliveira Dias.

Para o presidente do TRT-PR, desembargador Célio Horst Waldraff, um tribunal deve ter consciência de que está inserido em uma realidade maior, e, por isso, sua atuação vai além dos processos. “O Tribunal deseja, por meio de iniciativas como esta, manter contato com a população, afinal, nós servimos o povo. Esta é uma oportunidade que temos de ratificar e confirmar esse diálogo permanente que podemos ter com as pessoas em suas diversas circunstâncias e facetas”, explanou.


O artista

Fotografia de Rodrigo Ramon Rodrigues, um homem de pele branca, cabelo curtos grisalhos, com barbas também grisalhas. Ele usa óculos e fala no microfone em frente ao público com camisa jeans.

Radicado em Curitiba, Rodrigo Ramon Rodrigues tem uma carreira de mais de 20 anos, permeando pelas mais diversas plataformas artísticas desde a arte urbana Grafitti às mais variadas possibilidades digitais de mídias e efeitos, além do trabalho reconhecido em acrílico sobre tela. Foi eleito Artista do Ano em 2022 e 2023, em pesquisa feita pela agência Midas.


O artista plástico comenta que a sua intenção, dentro do processo artístico, foi representar a mulher dentro de suas complexidades. Para isso ele se utilizou de seres divinos de diferentes culturas e atualizou-as a partir de imagens mais próximas da contemporaneidade. “Não são só deusas e ninfas gregas. Há deusas romanas, japonesas, africanas, todas figuras do imaginário da humanidade, mostrando justamente essa mulher contemporânea, que é alegre, colorida, dona de si, capaz de lutar. A intenção destas telas é justamente isso: que a gente reflita a mulher como um todo, a mulher como a vida, a mulher como ela deve ser vista”, declarou.

Grupo de mulheres posa para fotografia em uma escadaria. Em frente a elas, um dos quadros do artista com uma deusa com roupas predominantemente amarelas paira sob céu azul.

A iniciativa da exposição é da Seção de Sustentabilidade do TRT-PR com apoio da Divisão de Memória, Estudos e Pesquisa (DMEP), e do Comitê de Patrimônio, Logística e Sustentabilidade.

Entrevista com Rodrigo Ramon Rodrigues.


Texto: Pedro Macambira e Márcio Lopes / Ascom TRT-PR

Fotos: Jason Silva / Ascom TRT-PR